domingo, 5 de fevereiro de 2017

SANTOS FC DE RALPH SOLÉRA FATURA O BRASILEIRÃO SÉRIE A DA AUFM PELA 1 ª VEZ..



No comando  de  Vitoria BA Fabio foi Vice e ficou com o Palmeiras em 3 º; Ralph Soléra foi Campeão com o Santos e Deniel Garcia em 4 º com o Flamengo



O Flamengo de Dan Garcia e o Palmeiras de Fabinho Mendes eram os favoritos maiores ao título do 24º Campeonato Brasileiro AUFM (pastilha/vidrilhas), mas o Vitória, também de Fabinho, e o Santos de Ralph Solera é que protagonizaram a competição desde o início.




Depois de um início em que brigou pela liderança com o Coritiba (de Ralph Solera), além do Palmeiras e do próprio Santos, o Vitória assumiu a liderança na sexta rodada e a manteve (seja por pontos ganhos ou pontos perdidos) até a última rodada, dando mostras de que iria novamente se sagrar campeão e faturar o tri, alcançando o Atlético Mineiro em número de taças como segundo maior campeão brasileiro.




Na rodada final, o Vitória tinha 1 ponto de vantagem sobre o Santos, e só dependia de si mesmo para sair campeão do certame, mas acabou perdendo para o forte Flamengo, apesar de ter lutado pela vitória até o último lance, quando o jogo ainda estava empatado. Com a derrota baiana, o Santos (que enfrentava o lanterna Joinville de José Marques) tinha que vencer para ser campeão.


016 inclusive foi um ano histórico para o Santos, que se tornou o primeiro time da AUFM a ser campeão ou vice dos 4 torneios nacionais que ele disputa na AUFM, sendo campeão brasileiro, vice da Copa do Brasil (para o Inter de Daniel Valle), vice da Copa União (para o Flamengo de Dan Garcia) e campeão paulista.
Na zona intermediária da tabela, podemos citar o Vasco da Gama de Douglas Felipe, que frequentou o Z4 por boa parte do torneio, mas conseguiu permanecer na elite, assim como o Internacional de Daniel Valle, que todos pensaram que ia brigar pelo G4, mas acabou lutando para não cair. Por outro lado, times cotados para serem rebaixados, como o Bahia de Sílvio Fonseca e principalmente a Chapecoense de José Marques, conseguiram fazer boas campanhas e se salvaram. A Chape, inclusive, se livrou da queda com uma vitória de virada sobre o América MG de Daniel Valle na última rodada, com o gol salvador saindo no minuto final.





Falando em queda, o Cruzeiro de Paulinho Garcia (assim como o outro time dele, o Fluminense) foi a decepção da competição, e acabou rebaixado. A Zona de Rebaixamento ainda teve o Sport de Douglas Felipe, o Atlético Paranaense de Sílvio Fonseca, e o lanterna Joinville.
Entre os botonistas, Sílvio Fonseca e José Marques terminaram com as menores pontuações, e devem jogar a Série B em 2017, a menos que alguém da A se veja impedido de continar a jogar aos Sábados, por conta dos empregos, como Douglas e Dan Garcia, que tiveram dificuldades para terminar a competição justamente pelos compromissos profissionais.

Texto de Ralph Soléra

Fonte...............www.futmesaubatuba.com.br 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SABADÃO TEM A SEQUENCIA DOS CAMPEONATOS BRASILEIROS PELAS SERIES A; B E C DA AUFM

Sábado tem mais Campeonato Brasileiro AUFM 2017 (pastilha/vidrilhas). Será que alguém fará frente ao Atlético Mineiro de  Fábio Me...